Eduardo Braga (PMDB/AM)

Carlos Eduardo de Souza Braga nasceu em 6 de dezembro de 1969, em Belém (PA). Foi eleito senador do Amazonas pelo PMDB em 2010, após deixar o cargo de Governador, que exercia pelo segundo mandato consecutivo desde 2002. É líder do governo no Senado desde março de 2012.

Disputa a eleição em 2014 para o cargo de Governador.

Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Participou de diversas comissões e missões:

- Presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado Federal.

- Suplente na Subcomissão Permanente da Água.

- Comissão Mista Permanente sobre Mudanças Climáticas.

- Foi titular da Subcomissão Permanente de Monitoramento e Implementação das Medidas Adotadas na Rio +20.

- Representou o Senado na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, no Rio de Janeiro-RJ.

POSITIVO

 

  • Nas discussões sobre o Código Florestal [¹], votou contra as propostas de alteração para redução das áreas de conservação florestal.. Apresentou 13 emendas ao Código Florestal e várias delas foram incorporadas no texto final, incluindo serviços ambientais. Também foi relator do PL na Comissão de Ciência e Tecnologia, da qual era presidente, e articulou  com o governo para serem mantidos vetos. Além disso, deu apoio à emenda que previa suspensão do desmatamento por 10 anos.

 

  • Autor de propostas favoráveis ao Meio Ambiente:

 

- PLS 212/2011 de 03/05/2011 -- Institui o Sistema Nacional de Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação, Conservação, Manejo Florestal Sustentável, Manutenção e Aumento dos Estoques de Carbono Florestal (REDD+), e dá outras providências.

PLS 322/2011 de 09/06/2011 -- Proíbe a utilização, a fabricação, a importação, a comercialização e a distribuição de sacolas plásticas que em sua composição química tenham como substancia não-biodegradáveis.

PLS 506/2013 de 04/12/2013 -- Dispõe sobre a criação do Programa Nacional do Bioquerosene como incentivo à sustentabilidade ambiental da aviação brasileira e dá outras providências. 

 

EMENDAS (2011/2013):

Total dos gastos: R$ 44.686.000,00

Gasto com Gestão Ambiental: R$ 0,00


[1] Para saber mais sobre as alterações no Código Florestal acesse: http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/426105.html?timestamp=1347572364562. Também http://pt.wikipedia.org/wiki/Novo_Código_Florestal_Brasileiro.


O objetivo da campanha De Olho nos Políticos é disponibilizar à população amazonense, de forma fácil e acessível, informações sobre os candidatos e atuais políticos mostrando suas propostas ou atuação em temas relacionados ao meio ambiente.  O foco deste levantamento foram os posicionamentos defendidos pelos candidatos sobre temas socioambientais. Se quiser extrapolar sua pesquisa para além deste tema, ou mesmo para outros Estado brasileiros, indicamos os seguintes portais: